Por Marcela Cabrini

Antes de falar deste delicioso bar, tenho que falar sobre Pacifica, uma linda cidadezinha a uns 20 minutos de San Francisco pela Highway 1, que reúne tudo de bom: esportes, cultura e muita paz.

Pacifica é uma espécie de Maresias ou Saquarema – um destino de surfistas graças às boas ondas, principalmente na Rockway Beach, praia que já foi cenário de vários filmes. Mas é também lugar de skate, por causa Pacifica Skateboard Park; de mountain bike, nas trilhas das encostas; e de voo livre, porque fica entre vários vales e os penhascos da costa do Pacifico, um ótimo e lindo lugar para sobrevoar. Pacifica fica também pertíssimo do Silicon Valley, sede das principais empresas de tecnologia do mundo, mas, pelos seus prazeres simples e encantos naturais, não costuma atrair o pessoal de lá. Melhor assim.

Para mim, é exatamente o contrário. Como dizia meu conterrâneo, “me basta que venha do surf, me basta que venha do skate, me basta que venha do coração, me basta que venha da mente”.

Então, vamos ao bar. O Longboard Margarita Bar é um simpático boteco que fica no estacionamento de uma espécie de shopping/supermercado – mas não se assuste, isso é comum por aqui. Mesmo assim, ele tem um estilo bem praiano que oferece uma atmosfera calorosa e simples. O pranchão do nome está em todos os lugares da casa, criando um clima bem típico dos surfistas, principalmente pra “galera das antigas”.

Como o nome entrega, a especialidade são os deliciosos margaritas, feitos com estilo, sempre com ingredientes frescos, muito limão espremido, néctar de agave (o tal tequila) e purês de frutas frescas feitas em casa, o que dá um gosto notavelmente melhor.

Tem de vários tipos e embora eu sempre prefira o clássico (aqui batizado obviamente de Margarita Longboard),  os machos do pedaço podem se arriscar no Jalapeño Margarita, feito com purê de pepino e pimenta jalapeño, enquanto as mocinhas se divertem com o Bourbon Sunset, um margarita que leva Bourbon, ginger beer, purê de morango e suco de limão.

Mas tem ainda uma ótima variedade de cervejas artesanais, que costumam atrair as pessoas principalmente no verão que mesmo sendo ainda bem fresco é mais quente que o resto do ano, principalmente durante os shows.

E é justamente nos shows que a coisa esquenta. O pequeno palco traz bandas sempre de altíssima qualidade, variando de música popular e rock dos anos 70 e 80 até, principalmente, o reggae. Grandes mitos do ritmo jamaicano já se apresentaram em seu palco, como se pode ver pelos cartazes. E muitos outros estão a caminho, já agendados.

Sabe aquele sonho de quando éramos jovens, de viver na Califórnia curtindo as ondas, o astral e a boa música? O Longboard Margarita é a boa prova de que isso é possível.

 

 

Dicas da Cecéu:

1- Vá de San Francisco para Pacifica de manhã cedo, curtindo cada curva da maravilhosa Highway 1.

2- Passe o dia curtindo a natureza do local, seja na praia ou nas encostas, mas de preferência voando de asa ou paraglider.

3- Durma lá. É melhor do que voltar depois de curtir a noite. O próprio bar tem lugar para pernoitar.

E 4- Caia fundo, pois esse é um lugar que reúne tudo que há de melhor do tal “californian way of life”.

 

Marcela Cabrini é colaboradora do Lugarzinho

 

Conheça bares com música de qualidade no Brasil e no exterior:

Endereço & Contato

Endereço:

180 Eureka Sq – Pacifica

GPS:

37.6332223, -122.48811

Telefone:
E-mail:

-

Planejar minha Rota